sábado, 13 de outubro de 2012

"Escadas Loucas" no ArchiCAD



Quando é preciso fazer uma escada no ArchiCAD, há vários percursos onde o usuário pode trilhar para chegar ao resultado esperado. Ele pode tanto brincar com lajes, paredes e objetos (fazendo as devidas operações formais); usar as escadas e patamares disponibilizados pelo ArchiCAD; ou ainda usar o StairMaker, criador de escadas personalizadas.

Então, fazendo um gancho no StairMaker, vale mostrar uma particularidade importante, que possibilita o usuário a modelar escadas com formatos mais livres, poligonais, fora do padrões de lances em I, U, L ou circular, a exemplo das escadas na figura acima.


Esse método é possível de fazer partindo de elementos 2D, no caso a Trama, Linhas e/ou Arcos. É recomendável que usuário então faça um esboço usando tais elementos de modo que ele defina a geometria da escada de seu projeto, procurando adequar as dimensões conforme normas de segurança e conforto. Afinal a escada pode se formalmente livre, porém não tão aleatória.

No caso abaixo foi feito um esboço para uma escada que basicamente é composta por dois arcos concordantes. Primeiramente o usuário precisa desenhar a trama representando o contorno da escada e em seguida definir, com linhas e arcos, o eixo de seu percurso.

*clique na imagem para vê-la maior


Vale lembrar que para que isso funcione é necessário que as linhas/arco estejam devidamente unidos.

Em seguida, o usuário deverá selecionar as tramas, linhas/arcos e ir ao Menu Modelação > Criar Escada Utilizando Seleção, tal como mostra abaixo:


Caso ele tenha desenhado corretamente (diga-se quando definiu-se o formato da trama seguindo uma lógica para que ela se enquadre aos padrões de uma escada - espaçamentos de pisos, espelhos, dobras, etc., ou, quando as linhas/arcos e trama estão unidos) o ArchiCAD irá abrir direto o StairMaker, indicando a tipologia necessária para a confecção:


A partir daí, o usuário pode fazer todo o detalhamento que o StairMaker dá (dimensionamentos de degraus, corrimãos, estrutura, representação 2D e 3D, etc.), caso o usuário não saiba usar tal ferramenta procure mais na página 1377 do Manual de Referência do ArchiCAD 15 (no caso desta versão), a partir do Menu Ajuda. Tal assunto também poderá ser explorado aqui no blog futuramente.

StairMaker

Dependendo do formato que é definido para a escada, o StairMaker apresenta uma mancha negra na pré-visualização  onde pode-se determinar se os degraus serão ou não radiais. Isso quando a escada apresenta dobras ou curvas.



Clicando, segurando e arrastando a mancha no preview o usuário consegue escolher os degraus. Dando um clique em cima da mancha ele consegue mudar seu posicionamento (radial ou normal).



Além disso, o Stair Maker oferece um botão (ver figura abaixo) onde pode-se definir qual extremidade será o início do percurso. 


Portanto, este são alguns passos para construir aquela escada diferenciada. Não é uma tarefa simples, até porque o SatirMaker possui certa rigidez ao compatibilizar dimensões para pisos e espelhos. Tal rigor exige que o usuário tenha noção geométrica da escada que quer conceber, então além de ser um exercício de modelagem eletrônica, é sobretudo, um exercício de projeto.